Páginas

18 julho 2007

O que Conhecemos? A Segurança ou Falta Dela?

Hoje após o pior acidente aéreo da história do Brasil resolvi pensar. Fiz isso hoje porque ontem estava neurótico trocando os canais da TV pra saber informações, além de acompanhar a entrega de medalhas do PAN. Fui dormir era passado da 01h00 acopanhando pela TV e rádio sobre o acidente.
Mas hoje penso na nossa segurança.
As passagens de avião ficaram mais baratas, novas cia aéreas apareceram, a quantidade de vôos triplicou, e nossa segurança?
Poucos aeroportos se modernizaram, tive a oportunidade de conhecer o Salgado Filho (Porto Alegre) e na ida tive um susto (leia Post sobre o acidente).
Falava por telefone com minha mãe dias atrás sobre o caos aéreo, aposentada ela começou a curtir a vida, viajar e conhecer o Brasil.
Falei pra ter paciência nas filas de check-in ou optar pelo ônibus. Ela disse: “... nem morta!!! Prefiro esperar do que ser assaltada na estrada...”.
Sabe que hoje dou razão!
O governo não nos protege nas ruas, não nos protege nas estradas e nem nos aeroportos (...) Pra onde vai nosso dinheiro? Para a realização do PAN? Ótimo, precisamos disso, mas tive medo da realização do Pan-americano no Rio de Janeiro (atentados, roubos, seqüestros, qualquer coisa) pois bem, não aconteceu no Rio mas sim em São Paulo essa catástrofe.
Não sou de me abalar com tragédias, talvez esteja ficando velho, mas essa!!!! Pode ser porque eu conheço a área do acidente, já passei por lá várias vezes e tenho amigos morando próximo a Congonhas, amigos que moram na rota Jaguaré-Congonhas e já trabalhei nessa rota também, muitos aviões passavam pela minha cabeça.
Esse sentimento (uma dor) veio após ver uma comitiva de 3 ônibus escoltados por batedores da Polícia Civil passarem pela minha porta. Dentro pude ver o sofrimento dos familiares (...) muitos chorando (...) Não sei (...)
Após essa catástrofe a agência que deveria regular nossa segurança (nos aeroportos) e o governo que só nos rouba libera as operações no Aeroporto de Congonhas. No mínimo ele deveria ficar fechado por hoje, pelo menos hoje. Ninguém sofreria mais do que os familiares das vítimas por ter um aeroporto fechado por um dia.
Pensando em segurança eu digo que ela é feita por nós mesmos, alguns rezam, outros olham várias vezes antes de atravessar uma rua ou sair e entrar em casa, cada um tem seu jeito. Mas é certo que estamos sozinhos (...)

2 comentários:

Julis disse...

Eu concordo com vc, aliás, isso é um assunto que não é mais novidade pra ninguém. Tb escrevi sobre isso no meu blog e sabe de uma coisa?
No fim não vai dar em nda. isso se chama Brasil

Cida disse...

Depois de tanta angustia e espera, só sobrou a dor......Hoje ao ler o comentario de um amigo, volto a pensar........onde está a nossa segurança .
Congonhas nunca mais....Vou sempre pra porto alegre , agora talvez de onibus.Não da pra confiar ao ver tantas MORTES.