Páginas

21 outubro 2007

PENSAMENTO DO FINDI - 21/10

Medo da morte

Você já parou para pensar nesse assunto?
Todos os dias ouvimos sobre mortes e nascimentos de todos os tipos nos jornais e telejornais.
Mas e daí? São todos desconhecidos mesmo!
Você já pensou que poderia ser você na manchete de logo mais?
Às vezes me pego pensando no assunto...
“Será que já vivi o bastante?”
“Será que fiz tudo que queria?”
“Será que vou acordar amanhã?”
“Será que vou conseguir chegar em casa e passar talvez a última noite com minha esposa?”
“Será que conseguirei dizer Eu Te Amo pela última vez?”
São perguntas que não temos respostas. Alguém vai dizer: “Ah! Basta procurar!”. Como? Onde? Você poderá morrer procurando...
Sou fumante. “Tá não adianta... já tentei.”
Li essa semana em uma revista fútil sobre a morte de Paulo Autran, que ocorreu do outro lado da minha rua... no Hospital Sírio Libanês. Um dos pontos dizia que “ele morreu por causa do cigarro...” Mas também poderia ter sido pelo colesterol alto, diabetes, uma infecção generalizada. Qualquer coisa pode nos levar à morte. Até mesmo o amor.
Então eu paro para pensar na minha longa existência...
“Quantos anos mais viverei?”
“Quantos filhos terei?”
“Quantos amigos mais farei?”
Já pensaram que todos esses sonhos podem terminar ali, naquela esquina?
“Que horror!”

Não temos controle nenhum sobre nossas vidas. De repente estamos no carro, vem outro e acabou... ainda no carro um ladrão e acabou... uma viagem de ônibus, o motorista dorme e acabou... você curtindo suas tão sonhadas férias no avião, a turbina pára e acabou... Tudo pode acabar dentro de cinco minutos...

Eu poderia fazer tantas coisas nesses cinco minutos que me foram roubados.
Poderia olhar nos olhos da Duxa e com amor pedir perdão pelos meus erros e dizer “Eu te amo”.
Poderia abraçar minha mãe e também pedir perdão por tudo de errado que eu tenha feito.
Poderia ver o resultado, positivo, do exame de gravidez... Parabéns eu ia ser pai...
Poderia ajudar um amigo, um estranho, pegar na mão de quem precisa de apoio.
Poderia fazer tanta coisa em cinco minutos roubados.

Em cinco minutos você pode ter a idéia que vai mudar sua vida.
“Então acorda!”
Use esse cinco minutos que ainda não foram roubados e pense mais em você...
“Mude sua vida...”
“É o que quero fazer...”
Antes que me roubem meu tempo precioso...
“Quero tomar atitudes.”
“Quero ter sonhos.”
“Quero mesmo é ser mais eu...”

Cinco minutos...
Que horror!

2 comentários:

Paolinha disse...

Ninguém sabe quanto tempo resta para cada segundo ou minuto nas nossas vidas...por isso aproveite todos os dias que estiver com sua esposa e diga tudo o que pensa...isso lhe ajudara a melhorar o relacionamento e a vida do casal...Pincipalmente diga as coisas antes que fique tarde, de uma coisa tua esposa tem certeza eu te amo muito e não tenho mais nada para te perdoar...
O importante é que estamos juntos.
Te amo.
Beijos

Sem Noção disse...

O tempo passou, curti todos meus momentos e ainda espero curtir intensamente cada segundo que virá.